Como Bloquear Celular Roubado [Passo a Passo]

Aprenda os procedimentos a serem tomados e saiba como bloquear celular roubado e evitar dores de cabeça

Com certeza você já foi vítima ou conhece alguém que já tenha sofrido algum tipo de violência e teve seu aparelho Smartphone subtraído por criminosos. Sei muito bem o que é passar por esta situação. Neste artigo você aprenderá o passo a passo de como bloquear celular roubado e proteger seus dados.

Como Bloquear Celular Roubado

Como Bloquear Celular Roubado

Este passo a passo é direcionado a usuários do sistema Operacional Android, portanto os exemplos mencionados abaixo terão como base a plataforma do Google

Primeiramente, a melhor forma de se proteger de um roubo é tomando as devidas precauções e redobrar a atenção, principalmente em lugares muito movimentados. Mas a prevenção é um assunto que será tratado em um outro artigo, já que o foco aqui é procedimentos a serem seguidos em caso de seu celular já ter sido roubado.

Passo a Passo Como Bloquear Celular Roubado

Passo a Passo Como Bloquear Celular Roubado

1º Passo: Registrar Boletim de Ocorrência

Esta é a primeira e mais importante recomendação: O Registro de um boletim de ocorrência. 

Registrar um B.O. é de extrema importância, pois é através deste registro e documento que você, além de informar o delito a uma autoridade policial, poderá solicitar o bloqueio de seu aparelho. Nenhuma operadora fará o procedimento de bloqueio sem o devido registro de Boletim de Ocorrência.

Para isso você poderá se dirigir até a delegacia de policia mais próxima de você ou acessar, caso seu estado possua, o site da Delegacia Virtual. O procedimento é rápido e simples.

Aqui onde moro, por exemplo, utilizo a Delegacia Virtual de Policia Civil do Estado do Pará

Pesquise e procure saber se a polícia civil do seu estado possui este serviço online.

2º Passo: Bloquear o sistema Android do Aparelho

Ao usar o seu aparelho pela primeira vez, você obviamente teve que adicionar uma Conta do Google. Esta conta fará você ter acesso ao sistema de rastreamento e bloqueio diretamente na plataforma Google.

Para isso, você deve acessar o site Android Device Manager – Google

Android Device Manager - Google

Logo que você entrar na plataforma, automaticamente o Gerenciador tentará localizar o seu aparelho, porém este recurso é pouco útil em caso de roubo, pois o primeiro ato do ladrão é desligar o aparelho e retirar os chips, e para que a localização seja feita com sucesso é necessário que o aparelho esteja ligado e conectado à Internet.

Ainda assim, o Gerenciador possui outros recurso de grande importância para proteger seus dados armazenados no aparelho.

Bloquear: Com esta opção você pode alterar a senha de bloqueio de tela por uma outra mais difícil, além de poder enviar uma mensagem para quem estiver com o seu aparelho. Assim torna-se o acesso aos seus dados pessoais mais difícil.

Apagar: Este recurso é recomendado para você restaurar as configurações do seu aparelho. Com ele você irá apagar todos os aplicativos, imagens, videos e informações pessoais armazenados no aparelho, assim como os que estão no Cartão de Memória.

LINK PATROCINADO: Smartphones novos com até 60% de Desconto

3º Passo: Bloquear e Recuperar seus Chips

Este procedimento é importantíssimo, pois protegerá seu numero de possíveis usos indevidos do seu número. É comum marginais utilizarem os chips de suas vítimas para efetuarem ligações criminosas.

Para solicitar o bloqueio você precisa entrar em contato com a sua operadora ou ir até uma loja para solicitar o bloqueio do seu chip e a recuperação do seu número. tenha em mãos o número do seu CPF e o Boletim de Ocorrência.

Ligue para cada operadora dos chips que você usava no aparelho e solicite seu bloqueio.

como bloquear celular roubado1

como bloquear celular roubado

4º Passo: Bloquear o Aparelho e Torná-lo Inútil

Já que você não poderá ter seu aparelho de volta, torne-o também inútil para o ladrão.

Todo e qualquer aparelho de celular possui um número de IMEI que é a sigla para International Mobile Equipment Identity. Trata-se de um número de identificação único de cada aparelho. Existem várias maneiras de descobrir o numero do seu celular. Geralmente ele vem na Nota Fiscal. Pode também se encontrado no compartimento da bateria. É extremante importante você guardar este numero sempre que adquirir um novo aparelho.

Outra opção para descobrir o IMEI do seu aparelho que foi roubado é através do Painel de Controle de sua conta no Google. Basta ir até a Aba Android, clicar e visualizar o número.

Em posse do seu número IMEI, Boletim de Ocorrência e CPF, você deve ligará para a operadora, as mesmas que ligou para bloquear e recuperar seus chips. Esta solicitação poderá ser feita junta com o passo anterior. Ligue e diga que quer bloquear o seu aparelho pelo IMEI. A atendente solicitará alguns dados pessoais e o número do B.O.

O prazo para o aparelho ser bloqueado é de até 24 horas, mas posso garantir que em alguns minutos o mesmo já estará Impedido.

Para confirmar se o seu aparelho foi devidamente bloqueado, basta acessar o site Consulta Aparelho Impedido, inserir o número IMEI, digitar os caracteres e pesquisar. o IMEI aparecerá como IMPEDIDO, ou seja, bloqueado e sem utilidade.

CONCLUSÃO: É muito importante que todas as pessoas façam os procedimentos corretamente, pois dessa forma haverá um desestímulo pelo roubo e furto de aparelhos celulares. Algumas pessoas afirmam que há a possibilidade de se desbloquear um aparelho que esteja com seu IMEI impedido, essa prática é proibida e criminosa e necessita de amplo conhecimento, pois não é um procedimento simples. Ainda sim, devemos dificultar sua utilização pelos criminosos e fazendo com que ele tenha dificuldade de usar ou repassar o seu celular.

LINK RECOMENDADO: Smartphones novos com até 60% de Desconto

Curta e Compartilhe

GOSTOU? AVALIE ESTE ARTIGO 

Como Bloquear Celular Roubado [Passo a Passo]
5 (100%) 2 votes

Inscreva-se e Receba em Seu E-mail Todas as Novidades e Atualizações Sobre Oportunidades na Internet!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *